quinta-feira, 4 de junho de 2009

The Rumble Strips - Welcome To The Walk Alone (2009)

The Rumble Strips

Só é possível classificar uma obra como atemporal quando ela atravessa décadas e não soa envelhecida? A resposta seria sim, mas o Rumble Strips responde que não. Apostando numa obra pop que não parece pertencer a uma certa época, unindo influências que atravessam anos, dos 40 aos 00, o agora quinteto inglês lança seu exuberante segundo álbum. Álbum que poderia ser a trilha sonora para diversos filmes, mas que também poderia colocar hits nas rádios, em qualquer época.

Desafiando o tempo e a música pop atual, "Welcome To The Walk Alone" surge como uma surpresa das grandes e mostra uma banda que dá um passo imenso para pular na frente de tantas outras.


Quando O Rumble Strips lançou "Girls and Weather", em 2007, as críticas foram ótimas. Também pudera, o disco era redondo da primeira à última faixa, cheio de hits em potencial e canções divertidas. Uma mistura de "indie-rock" com elementos Ska. Essa era a base. E disso é que se esperava o segundo trabalho da banda. Porém, tivemos uma grande surpresa.

Apesar da bela estreia que permitia uma continuação, digamos assim, o Rumble Strips resolveu fazer diferente em seu segundo álbum. E também acertou em cheio. Com produção de Mark Ronson, que há algum tempo vem sendo sinônimo de qualidade, e orquestração de Owen Pallet, o "Final Fantasy" e responsável pela orquestração dos dois álbuns do Arcade Fire, a qualidade é inegável. Canções pop, algumas radiofônicas, outras não, com arranjos muito bem trabalhados, melodias diferenciadas e voz excepcional de Charlie Waller, que se destaca como uma das vozes masculinas mais bonitas da nova geração.

A sonoridade é atual, mas o interessante é que, ao mesmo tempo, ela remete a um certo resgate de tendências. E, diante de tudo isso, soa como algo novo, ainda não feito. O Rumble Strips lança seu novo álbum em julho desse ano (que vazou antes na internet, evidentemente), mas poderia lançá-lo em qualquer época e ainda soaria natural e refrescante. Complexo é entender o tempo, e não uma obra tão completa quanto esta. Um álbum como esse só nos ajuda a perceber que medir o tempo é besteira quando se tem algo tão saboroso para preenchê-lo. Logo, nos ajuda a compreendê-lo um pouco também.

The Rumble Strips - Welcome To The Walk Alone (2009)
The Rumble Strips - Welcome To The Walk Alone (2009)
01 - Welcome To The Walk Alone
02 - London
03 - Not The Only Person
04 - Daniel
05 - Douglas
06 - Back Bone
07 - Sweet Heart Hooligan
08 - Running On Empty
09 - Dem Girls
10 - Raindrops
11 - Happy Hell
Download link in comments / Link de downloads nos comentáriosMySpace
Separador

4 comentários:

Anônimo disse...

Download Link:
http://sharebee.com/ae73d73a

Márcio Leijoto disse...

Cara, eu tinha ouvido o cd ontem e achei massa. Achei meio exagerado o comentário, mas, sim, é massa demais. Me lembro um pouco o Franz Ferdinand.

Denise disse...

muito bom o som deles.
adorei a voz do cara...

Thiago Henrique disse...

boa meu hermano ,esse site é um jeito de vc continuar a me mostrar bandas novas sem a gente c ver com frequência, não sei c isso é bom ou ruim, mais é o jeito neh .
ja ta no favoritoss
abraços mano